Terça, 28 de Setembro de 2021 22:59
9298125-7000
Saúde Amazonas

Vacina Amazonas: Fluvi-thru amplia vacinação em público ribeirinho em Manaquiri

As equipes aplicaram as vacinas diretamente nos usuários de transporte fluvial e em pessoas que moram nas proximidades

17/07/2021 17h40
260
Por: Adão Gomes Fonte: Secom Amazonas
Foto: Reprodução/Secom Amazonas
Foto: Reprodução/Secom Amazonas

Ampliando o serviço oferecido pelo Governo do Estado, omutirão Vacina Amazonascontou em Manaquiri, neste sábado (17/07), com um posto de vacinação em forma de drive-thru fluvial, o “fluvi-thru”. As equipes aplicaram as vacinas diretamente nos usuários de transporte fluvial e em pessoas que moram nas proximidades, em comunidades ribeirinhas. Além do município, a ação de imunização ocorreu de forma simultânea nas localidades de Careiro Castanho e Careiro da Várzea.

O governador Wilson Lima falou sobre os esforços para acelerar o processo de vacinação, incluindo estas zonas com maior dificuldade de acesso.

“Nós estamos montando todas as estratégias possíveis para atingir o maior número de pessoas. Seja aqui na zona urbana, na zona rural, seja de carro, seja através de voadeira. Postos em flutuantes nós montamos, estamos fazendo um trabalho de busca ativa. Colocamos um vacinador em uma lancha para ir até as comunidades. O que é possível a gente fazer estamos fazendo para chegar a maior quantidade possível de pessoas”.

Adesão da população

A coordenadora do posto, a enfermeira da Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas Dra. Rosemary da Costa Pinto (FVS-RCP), Tsiiary Duarte, explica que o posto é uma experiência nova em Manaquiri, mas que já foi utilizada em outros municípios. Em Manaquiri, ela avaliou como positiva a adesão pela população.

“Observamos que teve uma grande adesão comparado aos outros postos, pessoas que realmente vieram se vacinar e também com esse adicional da equipe volante que levou a vacina até eles. O fluvi-thru é uma estratégia para atender as necessidades do ribeirinho, então a necessidade do ribeirinho é essa”, afirmou.

Áreas ribeirinhas

No fluvi-thru, a estratégia usada considerou a quantidade de pessoas no município que moram em áreas ribeirinhas, como é o caso da comunidade do Barro Alto, área afastada da sede do município. Lá, uma equipe volante de vacinação foi deslocada para vacinar pessoas dentro da comunidade, onde moram em torno de 400 pessoas.

A estudante Tatiana Oliveira, de 19 anos, foi a primeira vacinada pela equipe na comunidade Barro Alto e falou sobre o sentimento de receber a primeira dose.

“É uma boa campanha para a comunidade. Minha tia há uns meses atrás ela ficou bem internada e passou por essa situação. Agora me sinto mais segura. É uma coisa boa que chegou e me sinto confortável agora”.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.