NO DISCURSO EM DAVOS, JAIR BOLSONARO DIZ QUE VAI CUIDAR DA SEGURANÇA PÚBLICA NO BRASIL, PARA QUE O PAÍS SEJA VISITADO. ELA FAZ PROPAGANDA DA AMAZÔNIA E DAS PRAIAS. EM MANAUS: POLÍCIA MILITAR APREENDE MIL SACAS DE CARVÃO VEGETAL EM SITUAÇÃO IRREGULAR DURANTE OPERAÇÃO "ÁGUIA - BOINA VERDE" AO ESTADÃO, HAMILTON MOURÃO TAMBÉM DISSE QUE DIVERGÊNCIAS ENTRE PAULO GUEDES E ONYX LORENZONI ESTÃO SUPERADAS. “TEM ESSES PRIMEIROS DEZ DIAS, QUE É O MOMENTO DE CONHECER AS COISAS. O PAULO E O ONYX JÁ TROCARAM BEIJINHOS E ESTÁ TUDO CERTO.”
Arrow
Arrow
Slider

Defesa Civil do Amazonas coloca 12 municípios de três calhas em ‘Estado de Atenção’

Defesa Civil do Amazonas coloca 12 municípios de três calhas em ‘Estado de Atenção’

 
A Defesa Civil do Amazonas, por meio do Centro de Monitoramento e Alerta (Cemoa) do órgão, emitiu, na sexta-feira (11/02), o status de “Estado de Atenção” para 12 municípios das calhas do Alto Solimões, Médio Solimões e Purus em função do elevado nível dos rios para o período, em consequência da quantidade significativa de precipitações (chuvas).
O “Estado de Atenção” é o primeiro estágio de desastre natural. Esse é o momento em que as Defesas Civis Municipais devem adotar os procedimentos preparatórios para um possível evento extremo de inundação, identificando áreas que podem ser atingidas, com previsão de afetados, danos e prejuízos econômicos. A Defesa Civil do Estado atua de forma integrada com agentes de Defesa Civil nos municípios que estão preparados para atender de forma rápida a qualquer eventual desastre que possa ocorrer.
 
A preocupação, neste momento, da Defesa Civil do Estado é de que o Amazonas está no início do processo de enchente, com as cotas elevadas para o período, e ainda haverá aproximadamente três meses de chuva, o que é considerado normal para esta estação na região amazônica.
 
A “Atenção” abrange as seguintes calhas e municípios: Calha do Purus (Canutama, Lábrea, Tapauá e Beruri), Calha do Alto Solimões (Tabatinga, Benjamin Constant, São Paulo de Olivença e Atalaia do Norte) e Calha do Médio Solimões (Coari, Fonte Boa, Tefé e Jutaí).
 
Mais informações: Assessoria de Comunicação da Defesa Civil do Amazonas: Larissa Barroso Segadilha França (99325-5501 e 98126-7396).
Os comentários estão fechados.
Arrow
Arrow
Slider