RODRIGO MAIA FOI BEM MAIS ENFÁTICO DO QUE JAIR BOLSONARO SOBRE A NECESSIDADE DE APROVAR A REFORMA PREVIDENCIÁRIA. DEPOIS DE SE REUNIR COM JOÃO DORIA, ELE DISSE: “TODOS MORRERÃO JUNTOS SE A REFORMA NÃO FOR APROVADA.” PT SEM VERGONHA, FALSO:“ENDURECEREMOS CADA VEZ MAIS CONTRA O CRIME” FOI O QUE DISSE O GOVERNADOR PETISTA CAMILO SANTANA — AQUELE QUE SEMPRE ATACOU SERGIO MORO — EM MENSAGEM À POPULAÇÃO DO CEARÁ. “O MOMENTO É, MAIS DO QUE NUNCA, DE UNIÃO DE TODAS AS FORÇAS. GOVERNOS, PODER LEGISLATIVO, JUSTIÇA, MINISTÉRIO PÚBLICO, OAB E DE TODA A SOCIEDADE CIVIL”, ACRESCENTOU. 10,8 MILHÕES DE REAIS EM CONTAS NA SUÍÇA ENVOLVENDO SERRA E PSDB AO ESTADÃO, HAMILTON MOURÃO TAMBÉM DISSE QUE DIVERGÊNCIAS ENTRE PAULO GUEDES E ONYX LORENZONI ESTÃO SUPERADAS. “TEM ESSES PRIMEIROS DEZ DIAS, QUE É O MOMENTO DE CONHECER AS COISAS. O PAULO E O ONYX JÁ TROCARAM BEIJINHOS E ESTÁ TUDO CERTO.”

Apoio

EDUARDO BRAGA ABRE MÃO DO “AUXÍLIO-MORADIA” DO SENADO.

Manaus, 18/12/2018 – 09h44

EDUARDO BRAGA ABRE MÃO DO “AUXILIO-MORADIA” DO SENADO.

 

Para quem entra e quem sai, o Senado reservou R$3.600.000,00 para beneficiar a turma.  Deste total metade vai para os que entram e a outra metade para os que saem.  Somente “auxílio-mudança,” do Senado, com um montante de R$3.6 milhões para que  SENADO fizesse   a festa de todos os 81 senadores, e somente 7 (sete). Isso mesmo! Não é conta de mentiroso, estes  7 ,  abdicaram de receber, até o momento, os R$ 33,7 mil de auxílio-mudança pagos no início e no término do mandato, para todos que moram em Brasília.

“Os senadores Ana Amélia (PP), Eduardo Braga (MDB), Randolfe Rodrigues (Rede) e Paulo Paim (PT) abriram mão da ajuda de custo do fim do período.

Já Major Olímpio (PSL), Mara Gabrilli (PSDB), Oriovisto Guimarães (Pode) e novamente Eduardo Braga recusaram o montante para o começo dos trabalhos.”

Brasil acima de tudo e Deus acima de todos nos protegendo destes gananciosos do Senado Nacional.